• Carioca da Gema

"Uma casa de bambas-A HISTÓRIA DO CARIOCA DA GEMA NA lAPa"curiosidades 3

Autor: Cesar Tartaglia

Caravana da sorte



O CD “Moyseis Marques”, o primeiro solo do cantor, lançado em 2007, tem suas raízes no Carioca da Gema. Quando começou a se apresentar na casa, num momento em que sua carreira ainda estava ligada (ou logo estaria) à primeira formação do Tempero Carioca, ele fez uma temporada de voz e violão. Era uma aposta arriscada de Paulo Cesar Figueiredo – não pelo talento do artista, cujas potencialidades o haviam impressionado quando Moyseis ainda cantava no Casuarina e, antes mesmo, mostrava a força de sua presença de palco nas apresentações de forró com a banda Forró na Contramão, que tivera apresentações muito bem recebidas no finado Ballroom, no Humaitá. Paulinho fez um esforço hercúleo para juntar, numa caravana ao Carioca, três pesos-pesados da música brasileira – Rildo Hora, Elton Medeiros e Paulão Sete-Cordas – e, sem avisar, levou-os para assistir a uma apresentação do cantor. Os três foram conquistados. Paulão conferiu positivamente tudo o que já ouvira falar do artista. De Rildo, Moyseis ouviu um elogio desses de fazer o ego bater no teto: o produtor lhe contou que, até pouco tempo, andava com um pré-contrato a tiracolo, com autonomia total de sua gravadora para contratar quem quisesse. “Se eu tivesse te conhecido naquela época, com certeza você seria um dos meus contratados”, confidenciou-lhe Rildo. E de Elton, provocado por Paulinho Figueiredo, saiu mais tarde a aceitação para gravar em dueto a faixa “Quatorze anos”, a quarta do disco, que seria produzido por Paulinho.

0 visualização
(21)98556-0834
av.mem de sÁ, 79

Razão Social: thianas eventos Ltda.

CNPJ: 14.022.532/0001-34

© 2019 by Carioca da Gema