• Carioca da Gema

"Uma casa de bambas-A HISTÓRIA DO CARIOCA DA GEMA NA lAPa"curiosidades 17

Autor: Cesar Tartaglia


Paulo Marques e Walter Alfaiate

Um mal-entendido

Um pouco de precaução, assim como caldo de galinha, sempre é bom. O Carioca da Gema tem os seus cuidados – no caso, como toda empresa que se preza, um sistema de alarme ligado diretamente a uma central de emergência. Na contratação do aparato, combinou-se que, uma vez acionado o alarme, a central, por garantia, pedia uma contrassenha para agir de acordo com a necessidade. A frase-chave saiu da própria programação do Carioca. Algumas temporadas atrás, o músico Paulo Márquez ali fizera apresentações, mas, em idade avançada, não tinha mais como manter o compromisso. Não foram poucos os fãs que perguntavam pelo artista, e a resposta acabou por virar um bordão: “Paulo Márquez não toca mais na casa”. Que, por sua vez, se tornou a contrassenha fornecida à empresa de segurança. Ocorre que, depois de algum tempo desde o encerramento da sua participação no elenco da casa, o artista foi homenageado com a entrega de um troféu do Prêmio Carioca da Gema, por bons serviços prestados à música brasileira. Na noite da festa, ele daria uma canja – ou seja, Paulo Márquez tocaria na casa. Como o diabo mora no descuido e passa férias na coincidência, e nesse dia ele parecia estar de férias (mas nem tanto), alguma alma fez soar, sem intenção, o alarme que ligava à central. O funcionário de plantão recebeu a ligação e, de imediato, ligou dando a deixa pra receber a contrassenha:

– Paulo Márquez toca na casa?

A resposta de quem atendeu sem ter a menor ideia de que estava falando com a central de segurança:

– Olha, ele não toca, mas hoje vai dar uma canja.

Tal resposta, com essa frase enviesada, desconcertou a central. A empresa de segurança achou que a casa estava sendo assaltada, tentou porque tentou confirmar se algo errado estava acontecendo, chegou a acionar o devido aparato. Mas felizmente, depois de algum tempo desfez-se o imbróglio, Paulo Márquez – naquela noite – voltou a tocar na casa, tudo transcorreu na santa paz de uma casa de samba e, fechado o balanço da festa, deu-se o incidente por encerrado com gostosas gargalhadas de quem estava por dentro do que ocorrera.

30 visualizações
(21)98556-0834
av.mem de sÁ, 79

Razão Social: thianas eventos Ltda.

CNPJ: 14.022.532/0001-34

© 2019 by Carioca da Gema