• Carioca da Gema

"Uma casa de bambas-A HISTÓRIA DO CARIOCA DA GEMA NA lAPa"curiosidades 14

Autor: Cesar Tartaglia

O salvador da prata

O grego Polyvios Kossivas tornou-se, em 2000, um herói que entrará para a história do atletismo brasileiro. No dia 29 de agosto, ele assistia à maratona dos Jogos Olímpicos de Atenas e vibrou ao avistar, já na reta final, o atleta Vanderlei Cordeiro de Lima se aproximando do ponto onde ele acompanhava a prova. O maratonista brasileiro liderava, na altura do quilômetro 36 de uma prova de 40 quilômetros, o pelotão de frente dos maiores maratonistas do planeta. Seria ouro na certa. Seria.

Quando Vanderlei se aproximou do ponto de observação de Polyvios, o ex-padre irlandês Cornelius Horan atacou o brasileiro, embolou-se com ele e roubou-lhe preciosos minutos de uma prova duríssima. O grego correu em socorro do maratonista, afastou firmemente o maluco e deixou Vanderlei livre para voltar a voar. Mas o ouro estava irremediavelmente perdido. O brasileiro Vanderlei ainda terminou a maratona em segundo lugar, uma honrosa prata que Polyvios o ajudou a assegurar.

Polyvios virou um herói no Brasil. Em reconhecimento, o Comitê Olímpico Brasileiro o convidou para conhecer o Rio. Em dezembro de 2004 o grego salvador da pátria desembarcou no Galeão com a mulher, Ioulia, a filha Smargda e o vizinho George Diamantopoulo, com todas despesas pagas pelo COB. Encontrou-se com Vanderlei, um protocolo previsto, e, fora do protocolo, mas perfeitamente previsível, foi parar na Lapa para conhecer a noite do Centro boêmio. Mais previsível ainda, curtiu uma noite de samba no Carioca da Gema.

Emocionado pelo reconhecimento dos cariocas a seu gesto, Polyvios entusiasmou-se com a noitada de samba e, anunciado na casa, foi ovacionado demoradamente pela plateia.

26 visualizações
(21)98556-0834
av.mem de sÁ, 79

Razão Social: thianas eventos Ltda.

CNPJ: 14.022.532/0001-34

© 2019 by Carioca da Gema